Como evitar que o Covid-19 lhe acabe com o motor Diesel

Como evitar que o Covid-19 lhe acabe com o motor Diesel

A pandemia do coronavírus alterou os hábitos de condução. As viagens são agora mais espaçadas e curtas, o ideal para os que têm carros com motor a gasóleo entrarem em despesas. Saiba como evitá-las.

Desde 2009, quando entrou em vigor a norma Euro 5, que os modelos à venda em solo europeu são obrigados a montar filtros de partículas. Na realidade, é mais uma armadilha do que um filtro, montado no sistema de escape e muito próximo do motor, cuja função é apanhar os fumos negros e a fuligem que sempre caracterizaram os motores quando queimam gasóleo. E apesar de existir partículas visíveis (as de maiores dimensões) e invisíveis, são estas últimas as que fazem pior à saúde.

O filtro de partículas, ou DPF (de diesel particulate filters, em inglês), tem capacidade para armazenar a sujidade emanada pelo motor, mas essa capacidade é limitada, pelo que ao fim de 400 a 500 km (num ciclo normal, que inclua alguma cidade e mais estrada) necessita de ser limpo, ou como se costuma dizer, regenerado.

 

Qual é o problema entre filtro e a Covid-19?

O problema é o filtro ter de lidar com as deslocações mais curtas que agora realizamos, em virtude das limitações às deslocações impostas pelo estado de emergência. As viagens mais curtas interferem com o funcionamento do DPF de duas formas distintas e nenhuma delas positiva. Primeiro, como o motor nunca chega a aquecer, ou seja, a atingir a sua temperatura ideal de funcionamento, produz mais fuligem do que quando está a rodar a quente, o que significa que os intervalos entre as regenerações baixa dos 400/500 km para cerca de 200 km ou menos.

Depois, o facto de nunca permitir que o motor atinja a temperatura em que otimiza o funcionamento leva a que não haja condições de realizar a regeneração, nem a passiva nem a ativa. No limite até as começa uma e outra vez, sem nunca as concluir e sem se desfazer dos resíduos acumulados no seu interior. Quer isto dizer que o filtro fica cada vez mais cheio, começando a obstruir a passagem dos gases de escape.

Publicar um Comentário